quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Até que enfim chiou....

Kovalainen cobra tratamento melhor em 2009

Sétimo colocado no Mundial de 2008, o finlandês Heikki Kovalainen quebrou o silêncio em relação às estratégias da McLaren e cobrou um tratamento melhor do time na temporada do ano que vem.

Em entrevista à revista "Motorsport Aktuell", da Suíça, o piloto culpou as estratégias do time em treinos oficial por seus maus resultados no campeonato.
-Martin, você prometeu que eu largaria com menos combustível que ele hoje.

"Apenas uma vez eu fui para o Q3 mais leve que o Lewis. E isso foi em Silverstone, onde conquistei a pole. Em todos os outros treinos classificatórios, eu estava com mais combustível do que ele. Com freqüência, eu era o mais pesado do top 6 ou top 7", disse Kovalainen. "Obviamente, isso afetou minhas corridas."
"Isso é algo sobre o qual precisamos conversar para o próximo ano", afirmou.

Segundo o finlandês, por saber do seu sacrifício, a McLaren não colocou em dúvida, em nenhum momento, sua permanência no time em 2009.

"Eles sabem exatamente o que aconteceu. Se eu tivesse ficado na frente mais alguma vezes, teria vencido com mais constância", completou.

Em seu segundo ano na F-1, após estrear pela Renault em 2007, Kovalainen marcou 53 pontos pela McLaren. Venceu um GP, na Hungria, conseguiu a pole em Silverstone e foi quatro vezes ao pódio.

Seu companheiro de time, Lewis Hamilton, conquistou cinco vitórias, sete poles e dez pódios. Marcou 98 pontos e foi o campeão da temporada.

Essa deu no Tazio

Um comentário:

Nandin disse...

Esse Kovalainen é o maior pé de breque do ca### é pior que o Barrica, faz igual o Maradona e benze a água do Hamilton, e já era mano, vo faze um rap aqui:
Hamilton lokão precisava de um parcerão, bem tontão, de preferência para poder ser campeão, no Kovalainen ele viu talento já que este é muito lento, inimigos Hamilton enfrentou, Kimi e Massa, com eles lutou e Hamilton quase se ferrou do seu otário ele precisou, mas ele era lento, não tinha talento, então Hamilton errou e o Vettel passou, Massa era campeão e a torcida vibrou já que este lutou, mas o Glock de seco ficou e quando choveu o Hamilton agradeceu.