quarta-feira, 29 de abril de 2009

McLaren é punida com três corridas de suspensão...

...Entretanto, a punição só será cumprida se "fatos adicionais" surgirem sobre o incidente no GP da Austrália ou se a equipe descumprir novamente as regras da F1 nos próximos 12 meses.

Ao comunicado da FIA:
"Levando em conta o modo aberto e honesto () com o qual Martin Whitmarsh, chefe da McLaren , se dirigiu ao Conselho, e a mudança de cultura que ele deixou claro que está sendo feita em sua organização, o Conselho Mundial decidiu suspender a aplicação da pena que julgou apropriada.

A punição é a suspensão da equipe por três corridas do Mundial de F1. Esta só será aplicada se fatos adicionais surgirem sobre o caso ou se, nos próximos 12 meses, uma nova infração ao artigo 151c for cometida pela escuderia."






Ferrari e McLaren nunca serão severamente punidas, esse é a verdade. E a vida continua na Fórmula 1...

terça-feira, 28 de abril de 2009

Charge (animada) : GP do Bahrein, por Bruno Mantovani





Para mais charges, acesse o Blog do Mantovani.

Fala aí! - Marc Gené: F60B é a maior evolução recente da Ferrari

Se depender da análise feita pelo piloto de testes Marc Gené ao jornal "As", o pacote aerodinâmico que a Ferrari levará para o GP da Espanha, dia 10 de maio, deve ser revolucionário.


"O F60B é a maior evolução aerodinâmica que vi desde que cheguei ao time", destacou Gené, que não entrou em detalhes sobre quais as partes do carro que deverão ser modificadas.

"Na volta rápida do Bahrein, estávamos a meio segundo da Brawn, e esperamos poder tirar esta desvantagem em Barcelona. O problema é que eles também anunciaram que terão um novo pacote, assim como a BMW, que levará um carro bem melhorado".




Revolucionário? Hum... Mudanças nas asas? No ''formato'' do carro? Pena o GP da Espanha ser só daqui duas semanas.

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Ferrari promete carro melhor, mas não garante resultados

Stefano Domenicali diz ter certeza de que a Ferrari terá um carro melhor no próximo GP, na Espanha, no qual serão introduzidas atualizações, mas não pode garantir quantas posições a equipe ganhará.

"Sabemos que teremos um carro diferente desse, e certamente será melhor. Mas dizer se será um pequeno passo, um passo grande... Precisamos ver onde os outros estarão, pois eles não estão dormindo."

Domenicali classificou como "uma corrida importante" a da Espanha. "Mas não quero dizer que é nossa última chance", afirmou, referindo-se a uma possível mudança de foco para 2010 já em maio.


O ano começou preto para a Ferrari

O carro terá um novo difusor em Barcelona, mas, segundo o dirigente, o carro precisa ser evoluído no geral, não só no difusor.
Fonte: Tazio

Isso é meio óbvio, a evolução pode ser enorme, mas os outros podem evoluir mais.


Como a Red Bull mostrou, o ponto chave não é só o difusor.

domingo, 26 de abril de 2009

Fala aí! - Raikkonen: ''Corro há muito tempo para ficar feliz com um sexto lugar''

"Estou feliz em ter conquistado alguns pontos, mas não posso ficar animado com nossa performance. Corro há muito tempo para ficar feliz com um sexto lugar. Sabemos que precisamos melhorar".

"Hoje, extraímos o máximo do pontencial atual da F60, mesmo perdendo tempo no pitstop final".

"Em tese, o novo pacote nos fará dar um grande passo adiante, mas não sabemos como será em relação aos outros até estarmos na pista".

Está certo o Kimi, a Ferrari e ele não podem ficar satisfeitos com um sexto lugar. Todos esperam uma boa evolução do F60 a partir do GP da Espanha, claro que também vai depender dos outros.

Charge: GP do Bahrein, por Bruno Mantovani

Rápido no gatilho, Bruno Mantovani mostra o motivo do Barrichello ter sido mais lento que o Button no deserto.



Mais charges, no Blog do Mantovani

Com 6º lugar de Raikkonen, Ferrari chega ao pior início de ano de sua história

Mesmo com o 6º lugar do Raikkonen hoje, a Ferrari passa a ter seu pior início de campeonato em 60 anos de Fórmula 1.


Os piores resultados da Ferrari ao chegar à quarta etapa haviam sido nas temporadas de 1980 e 1981. Em 1980, a Ferrari conseguiu a quinta colocação com Jody Scheckter no Grande Prêmio dos Estados Unidos, a quarta corrida da temporada. No ano seguinte as 3 primeiras etapas viram a mesma situação e na quarta corrida Didier Pironi conseguiu o quinto lugar no Grande Prêmio de San Marino.

Sakhir, corrida - Button vence ''na segunda volta''



Button levou mais. Três vitórias em quatro corridas, sendo que quando não venceu ficou em terceiro. É líder e principal candidato ao título.

A largada e as primeiras voltas foram alucinantes. Várias ultrapassagens, três, quatro carros brigando entre si. Vários toques. Muito legal.
No início da segunda volta Button passou Hamiton, que tinha a mesma estratégia que a sua, com isso só precisou esperar a parada das Toyotas, que estava muito mais leves.

Vettel ficou em segundo, teria vencido mas ficou preso atrás de carros mais lentos, como Hamilton e Trulli. Não fosse a batida em Melbourne estaria na segunda colocação no campeonato. Trulli fechou o pódio andando do jeito que dava. Perdeu a primeira posição pro Glock na largada, mas como o companheiro parou antes, Trulli o passou no primeiro pit stop.

Hamilton fez uma corrida boa, sem erros e mereceu a posição. A McLaren não está tão forte ao ponto de vencer uma prova, mas evoluiu bastante.

Barrichello não conseguiu um bom resultado e continua tomando do Button. Quatro provas atrás do companheiro de equipe. O melhor momento da prova do Barrichello foi quando ficou que nem um louco atrás do Piquet querendo que esse lhe entregasse a posição.

Raikkonen pontuou! Com uma belíssima largada, saindo de 10º para 6º, o finlandês trouxe os primeiros pontos da Ferrari na temporada. Com um bom ritmo, ele ainda poderia ter ficado na frente do Barrichello depois do segundo pit stop, mas houve um pequeno atraso com uma das rodas traseiras. Glock foi o sétimo e Alonso o 8º.

Felipe Massa teve uma largada rasoável mas acabou tocando no carro do Raikkonen e quebrou a asa dianteira, precisando assim trocá-la. Aí já era. Ficou um bom tempo atrás do Webber e quase fo pra fora da pista em um briga com Fisichella. Continua sem pontos.



Nelsinho Piquet ficou em 10º fazendo pela primeira vez no ano uma corrida decente.

A BMW ficou com os dois carro nas últimas posições. E esse era o time que eu apostava para o título em 2009.

1. Jenson Button - Brawn, 1h31:48.182
2. Sebastian Vettel - Red Bull, + 7.187
3. Jarno Trulli - Toyota, + 9.170
4. Lewis Hamilton - McLaren, + 22.096
5. Rubens Barrichello - Brawn, + 37.779
6. Kimi Räikkönen - Ferrari, + 42.057
7. Timo Glock - Toyota, + 42.880
8. Fernando Alonso - Renault, + 52.775
9. Nico Rosberg - Williams, + 58.198
10. Nelsinho Piquet - Renault, + 1:05.149
11. Mark Webber - Red Bull, + 1:07.641
12. Heikki Kövalainen - McLaren, + 1:17.824
13. Sebastien Bourdais - Toro Rosso, + 1:18.805
14. Felipe Massa - Ferrari, + 1 volta
15. Giancarlo Fisichella - Force India, + 1 volta
16. Adrian Sutil - Force India, + 1 volta
17. Sebastien Buemi - Toro Rosso, + 1 volta
18. Robert Kubica - BMW, + 1 volta
19. Nick Heidfeld - BMW, + 1 volta

Não completou:
Kazuki Nakajima Williams volta 49

Daqui 15 dias a F1 começa a temporada européia. A Ferrari promete algumas mudanças, assim como várias equipes. Lembrando que as corridas em Montmelo são bem chatas e o pole quase sempre leva.


sábado, 25 de abril de 2009

GP do Bahrein - Pesos e ''disputa interna''

Toyotas são as mais leves, como se esperava. Vettel tem uma boa carga, com uma boa largada pode vencer. Os dois carros da Ferrari estão mais pesados do que aqueles que vem na sua frente.
Hamilton, Alonso e as Brawn ''iguais'', que mostra que a Brawn não está tão forte e que a Renault e a McLaren deram uma boa melhorada.



Aos pesos:
Timo Glock (Toyota), 643,0
Jarno Trulli (Toyota), 648,5
Rubens Barrichello (Brawn), 649,0
Fernando Alonso (Renault), 650,5
Giancarlo Fisichella (Force India), 652,0
Jenson Button (Brawn), 652,5
Lewis Hamilton (McLaren), 652,5
Mark Webber (Red Bull), 656,0
Sebastian Vettel (Red Bull), 659,0
Felipe Massa (Ferrari), 664,5
Sébastien Bourdais (Toro Rosso), 667,5
Nico Rosberg (Williams), 670,5
Kimi Raikkonen (Ferrari), 671,5
Nelsinho Piquet (Renault), 677,6
Heikki Kovalainen (McLaren), 678,5
Sébastien Buemi (Toro Rosso), 678,5
Adrian Sutil (Force India), 679,0
Kazuki Nakajima (Williams), 680,9
Nick Heidfeld (BMW), 696,3
Robert Kubica (BMW), 698,6



Na luta entre companheiros, Hamilton, Alonso, Trulli, Vettel e Rosberg continuam imbatíveis. Ferrari mostra igualdade assim como a Force India.

McLaren: Hamilton 4 X 0 Kovalainen
Ferrari: Massa 2 X 2 Raikkonen
BMW Sauber: Kubica 3 X 1 Heidfeld
Renault: Alonso 4 X 0 Piquet
Toyota: Trulli 4 X 0 Glock
Toro Rosso: Bourdais 1 X 3 Buemi
Red Bull: Webber 0 X 4 Vettel
Williams: Rosberg 4 X 0 Nakajima
Force India: Sutil 2 X 2 Fisichella
Brawn: Button 3 X 1 Barrichello

Sahkir, classificação - Trulli na frente na 1ª fila da Toyota

Depois da Brawn e da Red Bull é a vez da Toyota colocar seus dois pilotos na primeira fila.



Q1 - Além da queda do Webber (que foi atrapalhado pelo Sutil), nenhuma surpresa. Bourdais, Webber, Fisichella, Buemi e Sutil (que foi punido com 3 posições e sai em 19º). A Ferrari optou por ir com pneus macios logo de cara, com isso, Raikkonen e Massa passaram fácil.

16. Sébastien Buemi - Toro Rosso - 1min33s753
17. Giancarlo Fisichella - Force India - 1min33s910
18. Mark Webber - Red Bull - 1min34s038
19. Adrian Sutil - Force India - 1min33s722*
20. Sébastien Bourdais - Toro Rosso - 1min34s159

*punido com 3 posições

Q2 - No Q2 começa a classificação para a Ferrari. Massa teve mais trabalho que o Raikkonen, mas acabou passando. Dessa vez quem ficou foi Nelsinho Piquet que forçou demais na última curva e perdeu a chance de uma posição melhor, as duas BMW, que na minha opinião é a maior decepção até aqui. Kovalainen ficou com a 11ª posição.

11. Heikki Kövalainen - McLaren - 1min33s242
12. Kazuki Nakajima - Williams - 1min33s348
13. Robert Kubica - BMW - 1min33s487
14. Nick Heidfeld - BMW - 1min33s562
15. Nelsinho Piquet - Renault - 1min33s941


Q3 - Toyota na frente com Vettel em terceiro, que está andando demais. Não fosse o problema do Webber com o Sutil no Q1 este estaria fácil nas 3 primeiras filas. A Brawn já nao tem mais aquele desempenho fantástico (claro que ainda temos que ver os pesos, mas eu acho um risco muito grande sair mais pesado e largar muito atrás), Button sai em quarto e Barrichello em sexto. Hamilton está entre eles. Alonso sai em 7º.

A Ferrari fez o que pôde. Massa com o 8º tempo e Kimi com o 10º. Três anos como companheiros de equipe e Massa sempre bateu o Raikkonen na classificação no Bahrein.

1. Jarno Trulli - Toyota - 1min33s431
2. Timo Glock - Toyota - 1min33s712
3. Sebastian Vettel - Red Bull - 1min34s015
4. Jenson Button - Brawn GP - 1min34s044
5. Lewis Hamilton - McLaren - 1min34s196
6. Rubens Barrichello - Brawn GP - 1min34s239
7. Fernando Alonso - Renault - 1min34s578
8. Felipe Massa - Ferrari - 1min34s818
9. Nico Rosberg - Williams - 1min35s134
10. Kimi Räikkönen - Ferrari - 1min35s380

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Luca Di Montezemolo irá ao GP do Bahrein

Luca Di Montezemolo vai para o Bahrein ver de perto o que está acontecendo com a Ferrari. Segundo um representante da Ferrari: ''Ele quer estar aqui com o time nesse momento difícil.''

[vídeo] GP do Bahrein 2004-2008

Alonso e Massa são os maiores vencedores com duas vitórias. Schumacher venceu a corrida ''inaugural''.

[video] FOM Highlights - GP da China

http://www.formula1.com/services/play_video.html

Simples. Clica em ''I aggre'', escolhe a corrida e o melhor formato para sua conexão.

Sahkir, treinos livres - Pela manhã deu Hamilton, à tarde Rosberg

Só assisiti o segundo, que foi sem emoção, mas mostrou que os carros estão muito próximos. Rosberg voltou a fazer o que fez bem no começo do ano, andar na frente na sexta-feira. As Brawn devem estar mais pesadas, já que Barrichello disse em entrevista na Malásia que seria difícil vê-las com pouco combustível nos treinos iniciais.

A Ferrari cada vez pior. No segundo treino os carros ficaram lá no fundão.

A briga pela pole amanhã vai estar boa.

1º Treino Livre
1º. Lewis Hamilton (ING/McLaren), 1min33s647 (19 voltas)
2º. Nick Heidfeld (ALE/BMW), a 0s260 (17)
3º. Robert Kubica (POL/BMW), a 0s291 (17)
4º. Nico Rosberg (ALE/Williams), a 0s580 (24)
5º. Jenson Button (ING/Brawn), a 0s787 (15)
6º. Heikki Kovalainen (FIN/McLaren), a 0s855 (24)
7º. Rubens Barrichello (BRA/Brawn), a 0s884 (18)
8º. Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 0s942 (17)
9º. Mark Webber (AUS/Red Bull), a 1s180 (21)
10º. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), a 1s180 (19)
11º. Kazuki Nakajima (JAP/Williams), a 1s233 (24)
12º. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), a 1s291 (21)
13º. Nelsinho Piquet (BRA/Renault), a 1s327 (21)
14º. Adrian Sutil (ALE/Force India), a 1s374 (18)
15º. Jarno Trulli (ITA/Toyota), a 1s389 (22)
16º. Giancarlo Fisichella (ITA/Force India), a 1s395 (16)
17º. Timo Glock (ALE/Toyota), a 1s686 (20)
18º. Fernando Alonso (ESP/Renault), a 1s701 (24)
19º. Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso), a 1s706 (22)
20º. Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso), a 1s722 (15)



2º Treino Livre

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Novo jogo para 2009 tem Kers, Brawn e Abu Dhabi

A Codemasters revelou detalhes sobre o novo jogo de F-1, que deve ser lançado na segunda metade deste ano.

Com o nome de "F1 2009", o jogo estará disponível para os consoles Nintendo Wii e Playstation 2 PSP.
a versão de 2010 terá gráficos HD e será ampliada para os consoles Xbox 360 e Playstation 3, além de ser liberado para computadores.

Para este ano, o jogo terá os carros e pilotos atuais, além de novidades como o Kers, os pneus slicks e as regras aerodinâmicas. Os circuitos de Cingapura, Valência e Abu Dhabi também estão na lista.

A novidade foi celebrada por todos da F-1. "Estamos trabalhando juntos nesses jogos e estamos impressionados com o que vimos", disse Bernie Ecclestone.


fonte do texto: Tazio
fonte das fotos:
Eddiemee, no Downforce

Raikkonen não usará KERS na sexta

Kimi Raikkonen confirmou que não usará o KERS nos treinos de sexta no Bahrein, Felipe Massa terá o sistema em seu carro.


"Não vou usar o Kers amanhã. O outro carro vai correr e, depois, vamos cruzar os dados e decidir o caminho que vamos seguir. Queremos ver a diferença que vai surgir.''


A Ferrari optou por não usar o KERS na China.

Segundo a "Autosport", a Ferrari deverá apresentar em Sakhir um chassi mais leve para tentar melhorar o equilíbrio e desempenho do carro com o Kers. O novo projeto já passou pelo teste de impacto na quarta-feira.
fonte: Autosport

quarta-feira, 22 de abril de 2009

[vídeo] Volta Onboard no Bahrein (capacete do Massa)

Achei esse vídeo no Fórum Oficial do Kimi Raikkonen.

No fim do ano, Ferrari testa melhores pilotos da F3 Italiana

Assim como fez em 2008, a Ferrari vai premiar os três melhores pilotos do Campeonato Italiano de F3 com um teste com a F60 no final do ano, na pista de Fiorano. Os três competidores da categoria que somarem mais pontos terão um dia inteiro de treino com o carro de F1 da atual campeã do Mundial de Construtores.

“Estamos orgulhosos por poder contribuir com a F3 da Itália. O desenvolvimento de competições para jovens é algo que nosso time aprecia muito, e acreditamos que este dia de testes é um grande incentivo para que o público tenha cada vez mais interesse por uma categoria que está crescendo”, disse Stefano Domenicali, chefe da Ferrari.

O piloto mais rápido no treino do final da temporada passada, o italiano Mirko Bortolotti, impressionou a escuderia de Maraneelo com seu desempenho. De quebra, conseguiu patrocínio da Red Bull e um posto na F2 em 2009.



Piscopo, Cicatelli e Bortolotti, os primeiros do ano passado testaram com o F2008.

segunda-feira, 20 de abril de 2009

As mudanças usadas no GP da China

A revista online GPWeek dessa semana mostra as pequenas atualizações que o F60 recebeu para a corrida de Xangai.




Ferrari vê GP da Espanha como 'vai-ou-racha' para temporada de 2009

Equipe italiana confirmou que pode focar campeonato de 2010 caso novidades para Barcelona não funcionem


O péssimo início de campeonato da Ferrari pode fazer com que a escuderia italiana decida abrir mão de disputar o Mundial de 2009 antecipadamente. Após a terceira corrida seguda do time fora da zona de pontuação, o chefe Stefano Domenicali confirmou à revista "Autosport" que pode, sim, dar prioridade à próxima temporada caso o pacote de novidades previsto para o GP da Espanha não resulte em uma evolução da F60.

Perguntado pela publicação se já é hora de pensar em 2010, Domenicali revelou os planos do time de Maranello. "Na Espanha, vamos avaliar com precisão onde estamos. Até lá, podemos ver o que pode ser feito para reverter essa situação. Então, resta aguardar o retorno à Europa, basicamente", disse.

Segundo o dirigente, as novidades previstas para a corrida em Barcelona incluem o difusor duplo utilizado por Brawn, Williams e Toyota. Mas o próprio italiano fez uma ressalva quanto à solução que a peça pode resultar. "A situação é muito mais complicada do que apenas isso. O difusor vai nos beneficiar, mas é errado achar que apenas isso resolve. Como exemplo, temos o carro da Red Bull: mesmo sem o equipamento, eles fizeram um grande trabalho."

Domenicali destacou também que, além dos problemas aerodinâmicos, a F60 sofre com a falta de confiabilidade — opinião ressaltada por Felipe Massa. "Temos dois problemas para tratar. Um é que precisamos tornar o carro mais rápido. O outro é que precisamos torná-lo confiável, pois não adianta ter o carro mais rápido do mundo se ele não completa as corridas", disse.

Seu colega de equipe, Kimi Raikkonen, teve opinião parecida. "Sabemos que, quando chegarmos em Barcelona, devemos evoluir. Atualmente, não temos o mesmo nível de pressão aerodinâmica que os outros têm. Com o novo fundo, espero que o carro fique mais rápido. Isso vai levar algum tempo, então precisamos superar este período difícil. Mas vamos voltar ao topo", afirmou o nórdico.


Se for pra gastar dinheiro no F60 e não der resultado, o jeito é mesmo trabalhar no carro de 2010. Mas não pode deixar do jeito que está. A Ferrari não pode terminar o ano em 9ª nos construtores.

domingo, 19 de abril de 2009

Ferrari iguala pior início de ano de sua história

Com o abandono do Massa e o 10º lugar do Raikkonen, a Ferrari igualou seu pior início de temporada.
A proeza não acontecia desde 1981, quando Gilles Villeneuve e Didier Pironi não pontuaram nos Gps dos EUA, Brasil e Argentina. Pironi só pontou no Gp de San Marino, com um 5º lugar.
Esse fato negativo aconteceu também nas temporadas de 1969,1970 e 1980.

No Gp do Bahrein, semana que vem, a Ferrari pode piorar ainda mais as coisas. Caso não pontue será o pior início de temporada de sua história.



Mais do que nunca, forza Ferrari!

Xangai, corrida - Vettel. Fantástica vitória no piso molhado


Saindo da pole, na chuva, Sebastian Vettel provou que não tem pra ninguém. Como em Monza-08, venceu de ponta a ponta, sem adversários. O único susto, foi quando Sebastian Buemi quase encheu a traseira do seu carro, deu só uma ''reladinha''. A Red Bull se deu muito bem com a chuva, que deu uma quebrada no ritmo das Brawn.

Segundo lugar muito bom pro Webber. O RB5 sobrou hoje em Xangai, tanto que quando passou o Button, Webber errou e perdeu a posição, voltou e passou o inglês de novo.

Button, o 3º, fez o que pôde. Ainda continua na liderança com uma boa distância. Barrichello errou, Button passou e com isso nunca mais viu o inglês na pista. Três corridas, três vezes Buttton.

Kovalainen na frente do Hamilton!! Verdade? Sim! Kova passou o inglês quando esse errou e não devolveu a posição. Que falta faz o Ron Dennis né Hamilton?

Glock e Buemi fecharam os pontos.

Kubica tentou acasalar sua BMW com a Toyota do Trulli. Entortou até a câmera que fica em cima do carro.

Sutil rodou e bateu bonito! Pontuaria. Dessa vez não foi culpa do Raikkonen.

Agora o ponto (ou a falta dele) mais chato. Ferrari.
Massa irreconhecível na chuva. Andou muito bem e vinha para um resultado até bom. Mas... Problema eletrônico = 0 pontos.
Raikkonen sofreu. Viu muita gente passar por ele. Hamilton foi o que mais se divertiu com o finlandês. 10º = 0 pontos.

1°. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), 1h57min43s485 (56 voltas)
2°. Mark Webber (AUS/Red Bull), a 10s970
3°. Jenson Button (ING/Brawn), a 44s975
4°. Rubens Barrichello (BRA/Brawn), a 1min03s704
5°. Heikki Kovalainen (FIN/McLaren), a 1min05s102
6°. Lewis Hamilton (ING/McLaren), a 1min11s866
7°. Timo Glock (ALE/Toyota), a 1min14s476
8°. Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso), a 1min16s439
9°. Fernando Alonso (ESP/Renault), a 1min24s309
10°. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), a 1min31s750
11°. Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso), a 1min34s156
12°. Nick Heidfeld (ALE/BMW), a 1min35s834
13°. Robert Kubica (POL/BMW), a 1min36s853
14°. Giancarlo Fisichella (ITA/Force India), a 1 volta
15°. Nico Rosberg (ALE/Williams), a 1 volta
16°. Nelsinho Piquet (BRA/Renault), a 2 voltas
17°. Adrian Sutil (ALE/Force India), a 6 voltas

Não completaram:

Kazuki Nakajima (JAP/Williams), 43/abandono
Felipe Massa (BRA/Ferrari), 20/abandono
Jarno Trulli (ITA/Toyota), 18/corrida




Fala aí! - Raikkonen ''Estou certo de que podemos ser competitivos o bastante para vencermos novamente, mas levará tempo"


"No começo, não estava tão ruim, mas, depois de meu pit stop, perdi muita aderência dos pneus e não pude acelerar tanto quanto eu queria, pois o carro deslizava demais".

"Em alguns momentos, o motor parecia perder potência, especialmente quando eu estava atrás de outros carros, mas o problema foi embora por conta própria."

"Estou certo de que podemos ser competitivos o bastante para vencermos novamente, mas levará tempo".

"Agora é fácil criticar, mas sabemos como dar a volta por cima."


Diz aí! - Massa: "Estou triste, mas vai passar"


"Estou triste, mas vai passar, bem rapidamente. Estou acostumado a levantar a cabeça. É difícil para a equipe inteira, mas vou mostrar motivação e determinação para sair desse problema".

"Foi uma pena. Fiz uma corrida bacana, tinha recuperado muitas posições, estava em terceiro com a mesma estratégia dos outros. É uma pena sair do pódio."

"A equipe tentou ver se conseguia resolver o problema, que era pequeno, mas não conseguiu. Chegou uma hora em que o acelerador não funcionava. Mesmo que acelerasse, não tinha potência".

"A equipe precisa trabalhar mais [em velocidade e confiabilidade]. Vou ter um trabalho mais intenso para tentar ajudar no que posso."

"O melhor é que o campeonato continue embolado. Espero que comecemos a marcar pontos. Se uma equipe fez um, já fez melhor que nós".

"Chegamos aqui com uma evolução, mas, sem o Kers, foi um passo para trás. Isso mostra que temos muito a trabalhar para evoluir".

sábado, 18 de abril de 2009

GP da China - Pesos e ''disputa interna''

Como era de se esperar, Alonso está muito mais leve que todos os outros. Vettel e Webber estão parecidos. Brawn com peso médio e com isso torna-se a favorita para a vitória.
Massa vem cheio de novo e Nelsinho segue como o mais pesado.



Fernando Alonso (Renault), 637,0 kg
Sebastian Vettel (Red Bull), 644,0
Mark Webber (Red Bull), 646,5
Adrian Sutil (Force India), 648,0
Nico Rosberg (Williams), 650,5
Timo Glock (Toyota), 652,0
Jenson Button (Brawn), 659,0
Robert Kubica (BMW), 659,0
Rubens Barrichello (Brawn), 661,0
Jarno Trulli (Toyota), 664,0
Sébastien Buemi (Toro Rosso), 673,0
Kimi Raikkonen (Ferrari), 673,5
Lewis Hamilton (McLaren), 679,0
Nick Heidfeld (BMW), 679,0
Giancarlo Fisichella (Force India), 679,5
Kazuki Nakajima (Williams), 682,7
Felipe Massa (Ferrari), 690,0
Sébastien Bourdais (Toro Rosso), 690,0
Heikki Kovalainen (McLaren), 697,0
Nelsinho Piquet (Renault), 697,9


Nas disputas internas, Hamilton, Trulli, Alonso e Rosberg são soberanos.
McLaren: Hamilton 3 x 0 Kovalainen
Ferrari: Massa 1 x 2 Raikkonen
BMW: Kubica 2 x 1 Heidfeld
Renault: Alonso 3 x 0 Piquet
Toyota: Trulli 3 x 0 Glock
Toro Rosso: Bourdais 1 x 2 Buemi
Red Bull: Webber 1 x 2 Vettel
Williams: Rosberg 3 x 0 Nakajima
Force India: Sutil 1 x 2 Fisichella
Brawn: Button 2 x 1 Barrichello

Como sempre, o treino classificatório pode ser visto na Globoesporte.com, clicando aqui.

Xangai, classificação - Vettel sai na frente, com Alonso e Webber na sua cola


Segunda pole da carreira do Vettel.

No Q1, as duas Force India, que estão correndo um campeonato a parte. Foram o.7 de diferente entre eles e o 18º. Piquet também caiu, assim como, Sebastien Bourdais. A surpresa ficou por conta do Kubica, que não anda bem na China.

No Q2, Massa 13º. Errou e assumiu. Uma pena, pois teria entrado no Q3. Kovalainen também caiu e saindo do meio do pelotão as chances de bater na primeira e segunda curvas são grandes. Nakajima, que já não é mais surpresa, caiu. Assim como, Heidfeld.

No Q3, os pesos penas, Vettel, Alonso e Webber ficam com as primeiras posições. Em quarto sai Barrichello, seguido de Button, Trulli, Rosberg e Raikkonen. Hamilton fez o nono tempo e a boa surpresa do Q3 foi o Sebastian Buemi, que na terceira corrida da carreira, sai em 10º.

Glock foi punido por trocar o câmbio e sai em 19º.

Grid de largada:
1°. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), 1min36s184 ( 11 voltas )
2°. Fernando Alonso (ESP/Renault), 1min36s381 ( 21 )
3°. Mark Webber (AUS/Red Bull), 1min36s466 ( 19 )
4°. Rubens Barrichello (BRA/Brawn), 1min36s493 ( 21 )
5°. Jenson Button (ING/Brawn), 1min36s532 ( 19 )
6°. Jarno Trulli (ITA/Toyota), 1min36s835 ( 21 )
7°. Nico Rosberg (ALE/Williams), 1min37s397 ( 23 )
8°. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), 1min38s089 ( 19 )
9°. Lewis Hamilton (ING/McLaren), 1min38s595 ( 17 )
10°. Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso), 1min39s321 ( 21 )

11°. Nick Heidfeld (ALE/BMW), 1min35s975 ( 14 )
12°. Heikki Kovalainen (FIN/McLaren), 1min36s032 ( 10 )
13°. Felipe Massa (BRA/Ferrari), 1min36s033 ( 11 )
14°. Kazuki Nakajima (JAP/Williams), 1min36s193 ( 10 )

15°. Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso), 1min36s906 ( 13 )
16°. Nelsinho Piquet (BRA/Renault), 1min36s908 ( 10 )
17°. Robert Kubica (POL/BMW), 1min36s966 ( 10 )
18°. Adrian Sutil (ALE/Force India), 1min37s669 ( 8 )
19°. Timo Glock* (ALE/Toyota), 1min36s066 ( 14 )
20°. Giancarlo Fisichella (ITA/Force India), 1min37s672 ( 10 )
* Punido em cinco posições por troca de caixa de câmbio

Fala Aí! - Raikkonen: "O problema ainda é o mesmo: não somos rápidos o suficiente"

"Claro que não estou feliz com o oitavo lugar, mas, com nosso potencial atual, era previsível. Tiramos tudo do carro, mas não tínhamos pneus novos para o Q3, o que nos deixou em desvantagem".

"O problema ainda é o mesmo: não somos rápidos o suficiente. A dirigibilidade não é ruim, mas estamos cerca de um segundo mais lentos que o mais veloz".

"Espero ter desenvolvimentos rápidos, mas, enquanto isso, vamos tentar o máximo com o que temos. Espero ter uma boa corrida e somar uns pontos".
"Teria sido útil correr com o Kers em pelo menos um dos carros, para entendermos melhor a situação".


Fala aí! - Massa: "O importante é não perder a chance de pontuar''

''Com um carro não tão competitivo e largando no meio, não será fácil. Será uma corrida complicada, na qual estarei preparado para ter paciência. Estamos no começo do campeonato; tem carro que quebra, carro que bate, e pode sobrar algo para mim".

"O importante é não perder a chance de pontuar. Isso faz diferença no final. Largo atrás e tentarei marcar algum ponto."

"Existem dois lados: o negativo foi que errei no segundo jogo de pneus do Q2. Tinha chance de entrar no Q3, pois o Kimi entrou, e nossos carros estavam muito parecidos de manhã. Não entrei por erro meu".

"De positivo, o carro foi um pouco melhor do que imaginávamos. Achava impossível o Q3, mas foi possível".

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Ferrari presta homenagem às vítimas na Itália

Ferrari, Toro Rosso e Toyota demonstraram apoio às vítimas dos terremotos que destruíram as cidades da região de Abruzzo, na Itália. Trulli nasceu lá.



- ''Abruzzo no coração''

Fala aí! - Impressões de sexta e previsões para sábado e domingo

Massa: "Não há como se esperar muito"



''Sem o Kers e sem o novo difusor, não há como se esperar muito da Ferrari, para falar a verdade".

"A única coisa que espero é chegar ao fim da corrida e talvez ter um pouco de sorte, marcar ponto, é a única coisa que podemos esperar."


Sobre o KERS: "Tivemos um problema ontem e não soubemos solucioná-lo. O Kers não é uma coisa simples. Pode causar até algum problema de segurança, então não usamos se não tivemos 100% de certeza de que é seguro".

"Tirando o Kers, você perde quatro décimos, meio segundo, dependendo da pista".


"Pagamos o preço pela mudança de regulamento e pelo trabalho do ano passado".




Raikkonen: ''No momento, não somos capazes de brigar pelo título"



"O equilíbrio do carro não está ruim, e não sinto a falta do Kers. O ponto é que estamos muito lentos, comparado aos líderes. Precisamos melhorar o carro: no momento, não somos capazes de brigar pelo título".

"Não vamos desistir da luta. Com toda a equipe trabalhando muito, podemos voltar à posição de líderes"
.

"Não é um momento fácil, mas nosso grupo é forte e sabemos o que precisamos fazer para sair desta situação".


A coisa não está nada boa.

Xangai, 2º treino livre - Button coloca Brawn na frente

Não vi o treino. Olhando os tempos e as entrevistas do pilotos a Ferrari não chega nem nos pontos.
A McLaren já não andou como na manhã. Na frente os mesmos, Brawn, Williams Red Bull e Toyota.



1º. Jenson Button (ING/Brawn) 1min35s679 (35 voltas)
2º. Nico Rosberg (ALE/Williams), a 0s025 (36)
3º. Rubens Barrichello (BRA/Brawn), a 0s202 (35)
4º. Mark Webber (AUS/Red Bull), a 0s426 (32)
5º. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), a 0s488 (22)
6º. Jarno Trulli (ITA/Toyota), a 0s538 (42)
7º. Kazuki Nakajima (JAP/Williams), a 0s698 (32)
8º. Timo Glock (ALE/Toyota), a 0s869 (40)
9º. Heikki Kovalainen (FIN/McLaren), a 0s995 (34)
10º. Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso), a 1s121 (34)
11º. Adrian Sutil (ALE/Force India), a 1s150 (30)
12º. Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 1s168 (34)
13º. Lewis Hamilton (ING/McLaren), a 1s262 (28)
14º. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), a 1s375 (33)
15º. Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso), a 1s540 (34)
16º. Nelsinho Piquet (BRA/Renault), a 1s594 (36)
17º. Robert Kubica (POL/BMW), a 1s812 (34)
18º. Nick Heidfeld (ALE/BMW), a 1s865 (28)
19º. Fernando Alonso (ESP/Renault), a 1s959 (28)
20º. Giancarlo Fisichella (ITA/Force India), a 2s071 (31)

Xangai, 1º treino livre - Hamilton lidera com Brawn logo atrás


Treino deu um sono...
Massa sofreu com os pneus e Kimi quase nem apareceu na transmissão. Massa inclusive, reclamou muito de falta de aderência. Ferrari muito mal nesse início do fim de semana

Hamilton primeiro com as Brawn logo atrás. Uma boa melhora da McLaren, pelo menos nesse treino. Nelsinho em último... sei não.

Ainda na torcida pela Ferrari. Mas do jeito que foi, pode ficar até sem pontos.

Postando agora porque minha internet caiu ontem de madrugada.

quinta-feira, 16 de abril de 2009