domingo, 5 de abril de 2009

Cúpula da Ferrari assume culpa por erros na corrida

“Está claro que tomamos decisões erradas", afirmou Stefano Domenicali



Os chefes da equipe Ferrari não fogem da responsabilidade pela crise vermelha que se vê na F-1.

Em comunicado oficial, os chefes da equipes, Stefano Domenicali e Luca Baldisserri, assumem as decisões incorretas tomadas no pit wall.

"Está claro que tomamos decisões erradas, especialmente no caso do Kimi (Raikkonen)", disse Stefano Domenicali. "Precisamos reagir imediatamente. Temos que mudar nossa mentalidade e aceitar que estamos numa situação diferente do ano passado", acrescentou.

Luca Baldisserri foi além. Classificou o GP da Malásia como "outra corrida desastrosa". "Não temos desculpas para isso", afirmou.

"Mais uma vez, tentamos adivinhar o que iria acontecer, foi tudo diferente do que pensávamos e ficamos de mãos vazias. No seco, nosso ritmo não era excepcional, mas reflete o potencial do carro. Agora temos que tentar mudar as coisas para sair dessa situação rapidamente", concluiu Luca Baldisserri.

Este é o pior início de temporada da Ferrari desde 1992.

O texto é do Tazio.

2 comentários:

F-1 A.L.C. disse...

é como disse Massa, o time não pode estar bem num ano e no seguinte cometer erros obvios. acho que tem um problema de liderança alí, definitivamente a relação dos componentes do time tem que melhorar.

mais a Ferrari já teve tempor ruins, e enquanto outras equipes morreram o sobreviveram sem dignidade, a "scuderia" sempre volta.

Ron Groo disse...

Era o minimo que esta anta poderia fazer. Assumir parte dos erros, já que totalmente ele não assumiria nunca!
O titulo de contrutores do ano passado fez mal a Ferrari. Deu uma sobrevida a esta aberração do pitwall chamada Domenicalli.